Gula emocional: saiba como se virar nesta hora

Gula emocional: saiba como se virar nesta hora

Comer demais emocionalmente pode parecer uma prisão sem saída, e quando você pensa em procurar por um tratamento profissional, pode parecer a principio algo impossível de se lidar.  A gula emocional já é conhecida pelos seu efeitos maléficos a saúde como um todo. Deixarei aqui  a seguir alguns tratamentos que pode te auxiliar como um guia neste momento tão difícil.

A seguir, é apresentada uma lista de opções de tratamento comuns para distúrbios emocionais excessivos, bem como algumas dicas sobre o que você pode fazer e alguns cuidados sobre o que não fazer.

Tratamentos comuns

Primeiro, reconheça seu problema. Saiba que você não está sozinho – o número de pessoas que sofrem de transtorno emocional excessivo é significativo. Não se sinta so.

* Cirurgia – Este é um tratamento um tanto controverso para excessos emocionais – ele aborda o aspecto físico do problema e não o emocional. No entanto, em combinação com terapia emocional e amplo aconselhamento médico, a cirurgia é uma opção viável para alguns pacientes. Geralmente, as opções cirúrgicas envolvem a diminuição do espaço disponível no estômago, geralmente por meio de uma banda de lap ou procedimento de bypass gástrico. Aqui não vou entrar em detalhes porque não faz parte da minha area de atua.

*Medicação – sob os cuidados de um profissional, medicamentos , geralmente antidepressivos, têm demonstrado segundo pesquisas, alívio para muitos que sofrem de excessos emocionais. Isso pode ser devido à suspeita conexão entre comer demais e depressão. A pesquisa continua apontando para a relação entre os dois problemas. Eu particularmente não concordo muito com esta metodologia pois ja vi muitos pacientes na epoca em que eu atuava como Nutricionista me relatarem das dificuldades que sofriam com este tipo de tratamento.

Tratamentos especiais

*Aconselhamento Holístico – O aconselhamento Holístico personalizado, em grupo ou em família pode ser muito útil para pessoas que experimentam excessos emocionais. O tratamento de aconselhamento geralmente envolve algumas orientações nutricionais e dietéticas e tratamento de problemas emocionais subjacentes, como posso indicar a técnica LMT (Libertação de Memórias Traumáticas).

*Terapias Florais – Eu sou suspeita em falar sobre as terapias florais por ser uma praticante e usuária desta técnica. Terapia floral faz parte do meu dia a dia. E um tratamento maravilhoso que serve como um auxiliar em vários casos emocionais. Eu utilizei o tratamento dos florais quando eu estava com uma fobia de 27 anos em dirigir. Aliei os florais a LMT. Foi perfeito para mim. Hoje eu dirijo meu carro como há anos, foi uma grande libertação na minha vida.

Existem vários tratamentos holístico que eu poderia estar citando aqui para você, alguns podem ser aplicados online e outros somente presencialmente. Estou citando apenas dois porque são os mais procurados na minha pratica como Terapeuta Holística.

Dicas – O que você pode fazer

* Exercite-se regularmente – Sim, você já ouviu isso, mas é realmente um aspecto importante do gerenciamento de excessos emocionais. O exercício pode melhorar o humor, melhorar os níveis de energia e aumentar sua auto-imagem, tudo parte da superação de excessos emocionais. Você pode começar com apenas 15 a 20 minutos de caminhada rápida três a seis vezes por semana. Va no seu ritmo e sem estresse. Não se cobre muito por isso. E apenas uma questão de habito. Voce consegue!

* Coma bem – O que você come é tão importante quanto o que você “não está autorizado” a comer! Às vezes, comedores emocionais podem ser superados por desejos de certos alimentos “proibidos”, como sorvete, barras de chocolate, refrigerantes e batatas fritas. Mas se você está cheio e cercado de alimentos saudáveis, pode cavar sem se sentir culpado. Mantenha os produtos frescos à mão e coma muita proteína magra, vegetais, frutas e grãos integrais. Dicas da Nutri! rs

O que não fazer

* Mantenha lanches não saudáveis ​​à quilômetros de distancia!  Se você não tiver a comida não saudável em casa, provavelmente será menos provável que a busque em momentos de sofrimento emocional. Em outras palavras, dificilmente conseguirá os alimentos que deseja comer quando estiver se sentindo mal – remova sorvetes, junk foods e lanches gordurosos da sua lista de compras. Jogue fora sem do se preciso for.

* Fechar a boca – Eu ouvia muiiiito esta frase na época em que eu tinha meu consultório ai no Brasil. “Ah, Doutora, para emagrecer tenho mesmo e que fechar a boca, não tem jeito, né?

Errado!!! Tentar morrer de fome ou ir em um jejum prolongado não é recomendado. Você pode comprometer-se na parte nutricional e / ou física e, dietas intensas tendem a resultar em mais excessos depois.

Existe toda uma fisiologia por traz deste processo de jejum prolongado, que não cabe eu descrever aqui, porque vai se transformar num livro ao invés de um artigo.

Bem, tentei ser a mais objetiva possível, para te estimular a buscar ajuda profissional. Meu intuito aqui é mostrar que não sera algo tão fácil assim, mas que tem solução.

Busque profissionais da área que realmente estão dispostos a ajudar e não somente a visar o lucro, coisa que tem muitos por ai. Não vá atrás de milagres, você perderá seu tempo e dinheiro.

É um trabalho que deve ser feito em equipe. Busque ajuda e você verá que valerá muito a pena.

Nos vemos em breve. Até!

Penha Cristina Mullett

Terapeuta Holística Credenciada pela AADP & SBHolos

Salutar Holistic Center LLC

 

Emagreça Definitivamente Sem Perder Sua Saúde! Conheça o Programa Desafio 30 Dias Salutar Sem Segredo. Entre Para A Lista de Espera Para Ser Uma das Primeiras a Ser Notificada.

Somos 100% Livre de Spam.